A carregar...
Última actualização: 07-02-2019 Publicado a: 07-02-2019
Concurso de Ideias para Economia Circular | Circular Economy Idea Competition

Concurso de Ideias para Economia Circular | Circular Economy Idea Competition

 

 

Concurso de Ideias para a Economia Circular

 

Desde 2015 que a CCDR LVT abraçou o desafio da transição para a Economia Circular. Nesse âmbito, lançou, em agosto 2018, o Concurso de Ideias para a Economia Circular, visando estimular o desenvolvimento e a apresentação de ideias e soluções concretizáveis com base na aplicação dos princípios da circularidade, que contribuam para acelerar a transição na Região de Lisboa e Vale do Tejo.

 

Foi dada liberdade total de escolha quanto ao tipo de solução de negócio, tema ou atividade, sendo que se pretendiam ideias ainda em fase de conceptualização, sem necessidade de plano de negócio desenvolvido ou de empresa constituída. O prazo para a receção de candidaturas ao Concurso de Ideias para a Economia Circular encerrou no passado dia 30 de outubro e as 19 propostas rececionadas foram avaliadas pelo júri do concurso, tendo os resultados respetivos sido comunicados em conformidade com o definido nos Termos de Referência. Às três melhores ideias foram atribuídos prémios de 8000, 3000 e 900 euros, respetivamente.

 

As três propostas vencedoras (cujas apresentações se podem consultar nesta página) foram as seguintes:

 

1. Primeiro prémio: “Boutique Oxala!”

Resumo da ideia (retirado do formulário de candidatura): “A partilha de materiais gera benefícios económicos e ambientais (minimizam-se emissões, materiais extraídos e resíduos). Faz-se mais com menos. Lisboa e Vale do Tejo tem uma elevada concentração populacional – a partilha de bens tem aqui um enorme potencial. A Boutique Oxalá é uma plataforma digital de partilha de recursos. Que recursos? Eletrodomésticos, móveis, livros, roupa de cerimónia, material para bebé, ferramentas, entre outros. Uma boutique de economia circular, Oxalá!”

 

2. Segundo prémio: “Centros de partilha de ferramentas e equipamentos domésticos”

Resumo da ideia (retirado do formulário de candidatura): “Porque muitas das pequenas ferramentas domésticas que utilizamos escassas vezes durante o ano, como chaves de parafusos, alicates, martelos, berbequins, escadotes, equipamento específico de limpeza (ex vaporetto ou enceradora) ou material de jardinagem, poderiam ser significativamente reduzidas em número se fossem partilhadas por apartamentos de um edifício ou mesmo de uma área habitacional/condomínio, propõe-se que sejam criados centros de partilha, locais onde os “condóminos” do edifício ou de uma zona habitacional podem requisitar a sua utilização temporária.”

 

3. Terceiro prémio: “À Nossa! – Cerveja de Pão

Resumo da ideia (retirado do formulário de candidatura): “Em Portugal, como noutros países, o pão está no topo dos alimentos mais desperdiçados, tanto a nível doméstico como de retalho (padarias, etc.) pastelarias, supermercados, etc.). Em alternativa, o excesso de pão pode ser usado como ingrediente para produzir cerveja (substituindo cevada maltada), desviando-o do lixo a que estava destinado e convertendo-o em matéria-prima para um novo produto de valor. Este é o grande potencial da economia circular!”

 

Aqui poderá encontrar informação sobre o conceito de economia circular.

 

Circular Economy Idea Competition

CCDR LVT has been embracing the circular economy challenge since 2015. In this framework, it launched a competition in August 2018 aiming to select the best ideas for accelerating the transition towards the circular economy in the Lisbon and Tagus Region.

This call"s purpose was to encourage the design and submission of achievable Circular Economy principles based ideas and solutions whose materialization contributes to accelerate its transition in Lisbon and Tagus Valley Region. Complete freedom of choice was given to participants on type of activities, scope, or business ideas submitted. CCDR LVT was looking for business ideas still in formulation phase, with no need of business plan or company created. The competition was open to any individual or collective person, organization or group..


The application deadline closed on October 30; the nineteen applications submitted were assessed by the jury and the results were reported according to the Terms of reference of the competition.  The three best ideas were granted 8000, 3000 and 900 euros, respectively.


I. The first prize was awarded to the proposal “Boutique Oxalá!”, whose ideia is to create a digital platform for sharing household goods (household appliances, furniture, books, clothing, tools, childcare products, etc.).

II. The second prize was awarded to the proposal “Centros de partilha de ferramentas e equipamentos domésticos”, whose ideia is to create local tool lending libraries;

III. The third prize was awarded to the proposal “À Nossa! – Cerveja de Pão”, whose ideia was to produce beer made from leftover bread to help cut food waste.

 

Here you will find more information on Circular Economy.

 


O prazo para a receção de candidaturas ao Concurso de Ideias para a Economia Circular encerrou no passado dia 30 de outubro. As 19 propostas rececionadas encontram-se agora em fase de avaliação pelo júri do concurso, sendo que os resultados respetivos serão comunicados em conformidade com o definido nos Termos de Referência.

Visite-nos Facebook Twiter You Tube